. . .

24 de ago de 2014

Murucututu faz ninho pelo oitavo ano consecutivo na RPPN Buraco das Araras


Coruja Murucututu e filhote no ninho

Pelo oitavo ano seguido, a coruja Murucututu nidifica e tem filhote na RPPN Buraco das Araras Ecoturismo.
Sempre na mesma fenda, a coruja fica escondida a maior parte do tempo e, quando seu filhote nasce, ela fica cuidando dele, sem se afastar do ninho por muito tempo, a não ser que seja para buscar alimento para seu filhote (as murucututus se alimentam diversos animais: pequenos mamíferos, répteis, anfíbios e outras aves).
Filhote com aproximadamente cinco semanas

No entanto, com cinco a seis semanas após o nascimento, os filhotes deixam os ninhos, mas continuam dependentes dos pais durante todo seu primeiro ano de vida, mesmo após adquirir sua plumagem definitiva (o filhote é predominantemente branco, quando o adulto possui a maior parte do corpo escura).

Nesse ano, "nosso" filhote já está na época de alçar voo, e começamos a registrar os primeiros passos dele fora do ninho.

Confiram!

Filhote de Murucututu em árvore no interior da dolina



Mas, independente do seu tamanho e até onde ele vá, o filhote sempre volta para o aconchego do ninho, junto de sua mãe, que zelosa, cuida de aninhar seu filhote para protegê-lo.



Postar um comentário