UMA CAMINHADA SUAVE - para todas as idades

. . .

13 de fev de 2017


Está oficialmente aberta a temporada de filhotes de 2017 na RPPN Buraco das Araras! Com muita alegria que, durante um monitoramento do Programa de Monitoramento das Araras-Vermelhas, foi possível visualizar o primeiro filhote nascido no ano de 2017 em nossa fazenda.

O pequenino foi encontrado em um ninho feito por seus pais no tronco seco e oco de uma bocaiúva, na estrada de acesso ao atrativo. Ainda pequeno e começando a formar suas penas, ele é bem curioso e já fica com a cabeça para fora do ninho, explorando o ambiente ao seu redor. Confiram as imagens feitas por nosso monitor ambiental Edson Moroni e o estagiário Felipe Pavan:







Pais sempre zelosos, cuidando do filhote



5 de fev de 2017


No dia 23 de Janeiro foi avistado, dentro da dolina, pela primeira vez na RPPN Buraco das Araras um socó-boi (Tigrisoma lineatum) imaturo. A ave estava às margens do lago no fundo do buraco, talvez procurando pequenos anfíbios que pudessem servir de alimento para ele. Com o registro dessa ave, nossa lista de aves atinge a marca de 151 espécies!


O socó-boi é uma ave pecaliforme que pode medir entre 66 e 76 centímetros, que vive em área úmidas como brejos e pântanos, mas também avistado em regiões florestais. A plumagem adulta: é idêntica para ambos os sexos e é adquirida aos dois anos de idade, caracterizando-se pelo pescoço castanho com uma faixa branca vertical na frente e manto pardo-acinzentado, manchado de acanelado; possui um bico bastante longo. A plumagem do socó-boi jovem é amarelo-clara com faixas transversais negras, garganta e ventre brancos e o bico é relativamente curto.


Fonte: Socó-Boi WikiAves

1 de fev de 2017


No dia 31 de Janeiro é comemorado o Dia Nacional das Reservas Particulares do Patrimônio Natural e, a RPPN Buraco das Araras tem orgulho de fazer parte deste grupo de áreas brasileiras que luta todos os dias pela preservação da natureza.

A Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) é uma Unidade de Conservação (UC) que tem como objetivo, segundo a Lei nº 9.985, de 18 de Julho de 2000, e o Decreto nº 5.746, de 5 de Abril de 2006, a conservação da biodiversidade. O tripé que norteia as atividades das RPPNs é composto pelo turismo, lazer e entretenimento, pela pesquisa científica e pela educação ambiental. Esse tripé está intrinsecamente ligado: o turismo permite que a educação ambiental seja realizada através do passeio pela RPPN; realizando-se atividades de educação ambiental, podem-se gerar trabalhos científicos no âmbito educacional; e com atividades de pesquisa na educação e na ciência pura e aplicada, a RPPN ganha maior visibilidade, atraindo-se mais visitantes ao local. O processo gera resultados que auxiliarão na conservação da biodiversidade, atingindo-se os objetivos do plano de manejo da RPPN do Buraco das Araras.

A RPPN Buraco das Araras, criada em 2007, localiza-se no município de Jardim, Mato Grosso do Sul, na Rodovia BR 267, Km 510. Buscando-se trabalhar esse tripé, a RPPN Buraco das Araras desenvolve o turismo de alta qualidade e, em 2016, firmou a parceria com o Programa de Monitoramento das Araras Vermelhas, coordenado pelo Biólogo Licenciado Edson Moroni. Esse programa iniciou com a ecologia alimentar da espécie Arara-vermelha (Ara chloropterus) que, posteriormente, expandiu-se para o censo e a biologia reprodutiva. Atualmente, além do trabalho com a arara-vermelha, o programa possui os seguintes projetos/ações em desenvolvimento na RPPN Buraco das Araras:

  • Monitoramento de fauna atropelada na BR 267 – Jardim/Rio da Prata;
  • Predação de ovos e ninhegos da curicaca (Theristicus caudatus) pelo tucanuçu (Ramphastos toco);
  • Reflorestamento através de galharias, plantio de mudas e controle de braquiárias;
  • Montagem de acervo histórico e científico da RPPN Buraco das Araras;
  • Projeto Aves do meu Jardim (observadores de aves mirins);
  • Festival Arara Vermelha e Encontro de Observadores de Aves de Jardim e Região;
  • Revisão do plano de manejo da RPPN Buraco das Araras.

Totalizando 10 projetos no período de 2016/2017, o Programa de Monitoramento das Araras Vermelhas desenvolvido na RPPN Buraco das Araras vem coletando dados importantes e necessários para a conservação ambiental, atingindo o propósito de uma Unidade de Conservação. Estes dados, futuramente, serão disponibilizados na forma de artigos e palestras, abrangendo tanto a comunidade científica quanto a não científica.


10 de jan de 2017



No dia 06 de Janeiro, foi ao ar a reportagem realizada no Buraco das Araras Ecoturismo pelo Programa Mais Você, da Rede Globo de Televisão.

Durante um dia, a equipe de filmagem do quadro "Na Estrada" composta por Nadia Bochi e Jimmy, conheceram a maior dolina da América Latina e puderam contemplar as belezas naturais que esse local tem a oferecer a quem o visita. Até mesmo as araras-vermelhas apareceram para mostrar seu charme, beleza e carinho.

Confiram as fotos dos bastidores!





Chegada na residência do Seu Modesto


Café-da-manhã com Dona Vergilia e Seu Modesto

O famoso "quebra-torto" não poderia faltar


Depois do café-da-manhã, seguindo para conhecer o Buraco das Araras







Para conferir a matéria completa: Buraco das Araras - Na Estrada

17 de dez de 2016


No dia 06 de Dezembro, o Buraco das Araras Ecoturismo, recebeu a visita de Ricardo Cheruti e sua família. Ricardo é deficiente visual desde o nascimento e por isso a visita ao passeio era uma expectativa frustante. "Quando disseram na agência que era passeio contemplativo, imaginei que iria apenas acompanhar minha esposa e filha", nos contou ele.

No entanto, a visita a maior dolina da América Latina surpreendeu não somente ele, como todos em seu grupo. "Gostei bastante, apesar de ser um passeio contemplativo, é um passeio que possui acessibilidade para variadas deficiências. A experiência foi muito boa, porque através dos sons, é possível imaginar o tamanho da dolina e a beleza das aves", declarou no retorno do passeio.