. . .

7 de ago de 2012

Período de Reprodução das Araras Vermelhas

Chega a época em que se pode observar um dos mais belos e fantásticos cenário da Região da Serra da Bodoquena, a reprodução das Araras Vermelhas (Ara chloropterus). Seja nas árvores, ou no interior da dolina elas se exibem em seus vôos acrobáticos, cantos melodiosos e cores ainda mais brilhantes! É possível observar de perto o acasalamento, os cortejos do macho para a fêmea e os casais na porta de seus ninhos.




O período de reprodução das araras (acasalamento, postura e incubação) inicia-se em Agosto indo até os meses de Janeiro e Fevereiro, estas aves podem botar até três ovos. Seus ninhos podem ser feitos nas rachaduras de rochas, como ocorre aqui na reserva, onde as araras utilizam as fendas da dolina (formada pela rocha de arenito) para fazerem os mesmo, ou também podem ser feitos em ocos de árvores e palmeiras como a da Bocaiuva (palmeira encontrada facilmente na reserva, tal qual os frutos são uns dos alimentos preferidos das as araras), elas utilizam seu forte bico para modelar o tronco desta árvore até o ponto desejado. Normalmente utilizam os mesmos ninhos de um ano para outro para a sua reprodução.



O tempo de incubação normalmente é de 30 dias, é feita pela fêmea, que sai pouco do ninho sendo alimentada pelo macho, que ajuda na defesa do ninho, ficando boa parte do tempo de sentinela, apresentando-se com uma postura agressiva, atacando o predador com bico aberto projetando o corpo para frente.Os filhotes ficam aproximadamente três meses no interior do ninho, antes de voar. Sai com a mesma plumagem dos adultos, cauda um pouco menor, olho marrom (claro, no adulto).




A partir de três a quatro anos de idade as araras já estarão aptas a reprodução, podendo ocorrer em algumas aves um período de maturidade sexual aos dois anos de idade.



Durante o inicio desta época que vai de Agosto a Novembro é possível observar as araras praticamente o dia todo no interior da dolina  e ao redor da reserva, tendo-se uma boa visibilidade no período da manhã onde as aves normalmente são mais ativas.



Enfim, convidamos vocês para presenciar de perto o espetáculo de nossas aves e levar na mente ou em retrato um pouco de nossas belezas naturais!




Referências

PIVATTO, Maria Antonieta C; SAMPAIO, Rooswelt R. Apostila Informativa para Guias de Turismo e Monitores Ambientais.Buraco das Araras Ecoturismo.Bonito: Photo in Natura.17p. Março de 2012 .

GUEDES, N.M.R. Biologia reprodutiva de Arara Vermelha (Ara chloroptera) na sub-região da Nhecolândia no Pantanal de Mato Grosso do Sul. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ORNITOLOGIA, III, Anais, Pelotas-RS, 1993. R11.
Postar um comentário