. . .

1 de fev de 2017

Dia Nacional das RPPNs


No dia 31 de Janeiro é comemorado o Dia Nacional das Reservas Particulares do Patrimônio Natural e, a RPPN Buraco das Araras tem orgulho de fazer parte deste grupo de áreas brasileiras que luta todos os dias pela preservação da natureza.

A Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) é uma Unidade de Conservação (UC) que tem como objetivo, segundo a Lei nº 9.985, de 18 de Julho de 2000, e o Decreto nº 5.746, de 5 de Abril de 2006, a conservação da biodiversidade. O tripé que norteia as atividades das RPPNs é composto pelo turismo, lazer e entretenimento, pela pesquisa científica e pela educação ambiental. Esse tripé está intrinsecamente ligado: o turismo permite que a educação ambiental seja realizada através do passeio pela RPPN; realizando-se atividades de educação ambiental, podem-se gerar trabalhos científicos no âmbito educacional; e com atividades de pesquisa na educação e na ciência pura e aplicada, a RPPN ganha maior visibilidade, atraindo-se mais visitantes ao local. O processo gera resultados que auxiliarão na conservação da biodiversidade, atingindo-se os objetivos do plano de manejo da RPPN do Buraco das Araras.

A RPPN Buraco das Araras, criada em 2007, localiza-se no município de Jardim, Mato Grosso do Sul, na Rodovia BR 267, Km 510. Buscando-se trabalhar esse tripé, a RPPN Buraco das Araras desenvolve o turismo de alta qualidade e, em 2016, firmou a parceria com o Programa de Monitoramento das Araras Vermelhas, coordenado pelo Biólogo Licenciado Edson Moroni. Esse programa iniciou com a ecologia alimentar da espécie Arara-vermelha (Ara chloropterus) que, posteriormente, expandiu-se para o censo e a biologia reprodutiva. Atualmente, além do trabalho com a arara-vermelha, o programa possui os seguintes projetos/ações em desenvolvimento na RPPN Buraco das Araras:

  • Monitoramento de fauna atropelada na BR 267 – Jardim/Rio da Prata;
  • Predação de ovos e ninhegos da curicaca (Theristicus caudatus) pelo tucanuçu (Ramphastos toco);
  • Reflorestamento através de galharias, plantio de mudas e controle de braquiárias;
  • Montagem de acervo histórico e científico da RPPN Buraco das Araras;
  • Projeto Aves do meu Jardim (observadores de aves mirins);
  • Festival Arara Vermelha e Encontro de Observadores de Aves de Jardim e Região;
  • Revisão do plano de manejo da RPPN Buraco das Araras.

Totalizando 10 projetos no período de 2016/2017, o Programa de Monitoramento das Araras Vermelhas desenvolvido na RPPN Buraco das Araras vem coletando dados importantes e necessários para a conservação ambiental, atingindo o propósito de uma Unidade de Conservação. Estes dados, futuramente, serão disponibilizados na forma de artigos e palestras, abrangendo tanto a comunidade científica quanto a não científica.


Postar um comentário